quarta-feira, 17 de março de 2010

Ternura


Ternura


Tuas mãos de oleiro
afagam
moldam ternura
em cada curva dourada
dos meus cabelos

(Van Albuquerque)
24/01/10

Nenhum comentário: