quarta-feira, 17 de março de 2010

Melancolia


Melancolia


A noite adentra
minha face
molhada de brisa

Silente minha alma
soluça convulsões
sussurra teu nome

A fonte do meu olhar
chove um mar
insone e suado

(Van Albuquerque)
29/01/10

Nenhum comentário: