domingo, 28 de março de 2010

Carícias da noite



Carícias da noite


Cai a noite
e o ar que eu respiro
tem o cheiro nacarado
da tua pele nua
Um olor de festa
chega manso
junto com a brisa
e enfeitiça-me
com tuas malícias

(Van Albuquerque)
28/01/10

Nenhum comentário: