quarta-feira, 17 de março de 2010

Amanhece


Amanhece


A luz da manhã
queima lá fora
amorna os lençóis
Amor tateia a pele
arrepia poros
entrelaça línguas
respira desejos

(Van Albuquerque)
26/01/10

Nenhum comentário: