domingo, 20 de setembro de 2009

(In) Certezas


(In) Certezas


Vejo-te na outra margem...
não tenho barco,
nem braços,
coragem de fato,
também falta
perdeu-se no vaga
do tempo

Ponte que se foi
com a última correnteza
perdeu-se nas incertezas
agora veja...
de tanta certeza
ficou apenas tristeza

De um lado uma dor
latejando de amor
do outro a saudade...
no meio um lamento
que escorre soluçando
ladeira abaixo

(Poesia minuto)
(Brain – Van Albuquerque)
20/09/09

Nenhum comentário: