sexta-feira, 28 de agosto de 2009

Fico sem jeito


Fico sem jeito


Quando teu sorriso
meio de lado
malicioso me espreita

Quando você
de canto de olho
me espia
como quem nada quer
feito menino carente
que tudo quer

Eu fico sem jeito

Molho meus lábios
misturo meu gosto
nos lábios teus
me perco toda
me acho
nesse teu jeito
gostoso de me amar

(Van Albuquerque)
21/08/09

Nenhum comentário: