quarta-feira, 1 de julho de 2009

Sua boca


Sua boca


Hoje eu quero
em seus braços
me esparramar

Em sua boca macia
colher poesia
salivar teu mar
sedenta navegar
teu sabor

Em tuas vontades
achar meu norte
beber de ti
ondas de prazer

No céu infinito
da sua boca
ancorar aromas
entre volúpias
insaciável guardar
meus desejos

(Van Albuquerque)
29/06/09

Nenhum comentário: