quarta-feira, 1 de julho de 2009

Devaneio


“Devaneio”

(Van Albuquerque
e Luiz Henrique)


Alquimia de cheiros
sabores e cores
Como um suave som:
um coral de tenores ...

Amor galopa veloz
dentro do meu peito
A um só tempo: calmo e feroz
desejo de amor perfeito ...

Transborda febril
chuva e sol
No suor sutil
de uma cabana sob o lençol

Arco-íris vibrante
desenha-se no céu
Colorindo teu corpo amante
em nuvens ao léu

Voraz acorda a fúria
ardente derrete
desejos contidos
Orgasmo - luxúria
nas noites passadas
nos prazeres sentidos

Um pedaço de mim
se entrega ...
E outro pedaço
resiste, se nega

Coração sedento
devaneia em silêncio
perdido em si mesmo
Nessa busca ineficaz
do tempo ido e perdido
nessa vã procura a esmo ...

29/06/09

Nenhum comentário: