quinta-feira, 28 de maio de 2009

Chuva e poesia


Chuva e poesia


Chuva lá fora cai miudinha
calma inspira poesia...

Da caneta do poeta a tinta
feito chuva cai devagar 
respinga letras
goteja palavras...

Versos ternos
escorrem no papel...

Poesia em silencio 
nas gotas da chuva viaja...
Aquece de amor o coração 
de quem lê ...

(Van Albuquerque)
27/05/09

Nenhum comentário: