terça-feira, 2 de dezembro de 2008

Seu carinho e amor


Seu carinho e amor



Você chegou
num dia tempestivo
em que meus olhos
choviam torrencialmente
tristeza e solidão


Trazia nas mãos
um ramalhete de carinho
no olhar terno
tímido feito o anoitecer
reluzia o brilho do amor


Nos lábios
um sorriso sincero
alegre feito o amanhecer
num jardim em flor
me encantou


Seu carinho
cerceou minha tristeza
Seu amor
feito um furacão
arrebatou-me da solidão


Você chegou
com jeito manso
adentrou em minha vida
quando a dor da tristeza
e solidão mais doía


Com carinho e amor
fez meus olhos sorrirem
cessar a chuva torrencial
de tristeza e solidão
que em mim chovia

(Van Albuquerque)
15/10/08


Nenhum comentário: