terça-feira, 2 de dezembro de 2008

Sem você


Sem você


Sem você
o tempo não passa
me atormenta...

Degusta a saudade
que sinto de ti
me invade e dói...

A saudade
em meus olhos
molda minhas lágrimas

Gotas incolores
se transformam
num rio de desejos

Uma cachoeira
de amor
impaciente...

(Van Albuquerque)
07/11/08

Nenhum comentário: