segunda-feira, 15 de dezembro de 2008

Meu sabor...


Meu sabor!...


Ainda sinto
em meus lábios
um gosto solitário
do teu beijo desnudo...

Sua boca molhada
morna...
Navegando por cada poro
da minha pele nua...

Seu olhar astuto
saboreando meu corpo
decorando meu cheiro
meu sabor!...

(Van Albuquerque)
11/12/18

Nenhum comentário: