quinta-feira, 20 de novembro de 2008

O meu amor só teu...


O meu amor só teu ...


O meu amor só teu
de longe sentia
na delicadeza de seu toque
o cheiro de seu perfume
seu calor, afagando minha alma
no gosto de seu beijo
o sal de sua pele...
Hoje, o meu amor só teu
desiludiu-se...
Não escreve mais poemas...
Sonhando contigo
embala no peito a saudade
invadido pelo ardor
de sua ausência...
Solitário e triste
perde-se no imenso vazio
de uma solidão lúcida...
Soluça, chora baixinho
dentro de mim, entoa
uma canção, sem fim...

(Van Albuquerque )
03/08/08

Nenhum comentário: